PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
26 de Setembro de 2008 | Comunicação | Tribuna Metalúrgica

Tribuna Metalúrgica, informação democratizada

Jornal leva as notícias que interessam à categoria para dentro da fábrica e da vida dos metalúrgicos


Nos seus quase 50 anos de existência, o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC manteve veículos de comunicação como importantes elementos de reforço à sua ação sindical. A Tribuna Metalúrgica foi o primeiro deles. Criado em 1964 no então recém-fundado Sindicato em São Bernardo e Diadema, confinado a um único número, chamado O Metalúrgico. Em julho de 1971, a entidade lançou a Tribuna Metalúrgica. Nos primeiros anos, o jornal circulou uma vez por mês, com oito páginas. Em alguns períodos, foi semanal, e em outros não teve periodicidade definida. Durante algumas greves, circulou quase de forma clandestina. Aliás, em vários momentos, era comum o jornal ser levado para dentro da fábrica às escondidas, dobrado nos bolsos dos trabalhadores.

O jornal foi publicado nesses moldes até 1986. Antes, a partir 1979, ano da primeira greve geral na categoria, surgiu a necessidade de uma comunicação mais dinâmica. Naquele tempo, a diretoria do Sindicato já notava a necessidade de um órgão mais ágil de informação aos trabalhadores, pois o noticiário sobre o movimento e sobre as greves era abertamente parcial, aliás, patronal. A Tribuna Metalúrgica ganhou, então, um Suplemento Informativo, um boletim diário para acompanhar as greves, que desempenhou um papel de destaque na organização da categoria.

Essa dinâmica que a organização dos trabalhadores necessitava para sustentar seus movimentos foi a ponta de lança para que a entidade montasse uma estrutura razoável de comunicação durante a década de 80, inclusive com a profissionalização de todo o departamento de comunicação.

Foi daí que surgiu a Gráfica Fundo de Greve; uma produtora de vídeos, a TVT; e uma produtora de programas de rádio, a Rádio dos Trabalhadores. As duas faziam boletins semanais para exibição em porta de fábrica. A TVT chegou a produzir o Olhar Brasileiro, em 1993, um programa comercial de TV exibido durante todo aquele ano nas manhãs de domingo na TV Record.

A partir de 1986, a Tribuna Metalúrgica tornou-se efetivamente diária. Três anos mais tarde o Sindicato lançaria também a revista Ligação, com tiragem trimestral de 90 mil exemplares, distribuídos diretamente na casa dos seus associados. Ela circulou até abril de 1996.

Com a unificação dos metalúrgicos de São Bernardo com os de Santo André. A  Tribuna Metalúrgica passou por sua mais importante reforma gráfica. Manteve o formato tablóide, porém ganhou uma página a mais e começou a circular com quatro páginas. No ano 2000 ganhou quatro cores e, em 2005, passou a ser imprensa no formato germânico, o atual.

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: