PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
1 de Setembro de 2008 | Notícias | Categoria | Assessoria de Imprensa

Pressionadas por aviso de greve, montadoras pedem reunião com metalúrgicos

Sindicatos e Sinfavea têm rodada de negociação salarial nesta terça-feira (2), a partir das 14h, em São Paulo; categoria disse não a 0,5%

Pressionadas pela mobilização da categoria e o aviso de greve aprovado em assembléia no domingo (31), as montadoras pediram reunião com a categoria para negociar salários. O encontro, solicitado pelo Sinfavea (Sindicato Nacional das Indústrias de Veículos Automotores), acontece nesta terça-feira (2), a partir das 14h, em São Paulo.

No domingo, após assembléia com mais de cinco mil trabalhadores, a categoria rejeitou o índice de reajuste salarial proposto pelo Sinfavea  - 0,5% de aumento real - e aprovou aviso de greve. As empresas tinham 48 horas para se manifestar, mas ontem mesmo já pediram a reunião.

O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Sérgio Nobre, afirmou que a reunião em nada altera a mobilização da categoria, que segue organizada e pronta para promover paralisações, atos e protestos dentro das fábricas até que a categoria consiga índice de aumento justo. O dirigente destaca também a importância de a categoria conquistar, nesta data-base, o direito de o trabalhador ser liberado pelas empresas para passar por processo de formação sindical. Nesta campanha salarial, o sindicato reivindica ainda reajuste no piso da categoria, uma das formas de combater a rotatividade.

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: