PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
21 de Junho de 2010 | Notícias | Serviços

Enem abre inscrições e é critério de seleção em 500 universidades

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2010 estão abertas, exclusivamente pela internet , até 9 de julho

O acesso é ´feito pelo link www.enem.inep.gov.br

 O estudante terá de informar o número do próprio Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), independentemente da idade - não poderá usar o do pai ou da mãe. O sistema de recebimento das inscrições coibirá eventuais  irregularidades, buscando informações sobre o número indicado na base de dados da Receita Federal. As provas estão marcadas para 6 e 7 de novembro.

Quem tiver mais de 16 anos pode fazer o cadastro de pessoa física em uma agência do Banco do Brasil, da Caixa Econômica Federal ou dos Correios. O pai, a mãe ou responsável legal deve pedir o documento para os menores de 16 anos - não é possível tirar o CPF pela internet.
Além de informar os dados cadastrais, o participante do exame responderá, também pela internet, ao questionário socioeconômico.

Estarão isentos da taxa de inscrição, de R$ 35, os estudantes da última série do ensino médio, os que tiverem concluído o ensino médio em anos anteriores e os de escolas particulares que comprovem a impossibilidade de pagamento e assinem declaração de carência.

Provas - As provas terão a mesma estrutura do ano passado. Vão abranger as áreas de linguagens e códigos, ciências da natureza, matemática e ciências humanas. O exame terá quatro provas objetivas de múltipla escolha, com 45 questões cada uma, e redação.

A novidade este ano serão as questões de língua estrangeira (inglês ou espanhol) na área de linguagens e códigos - o candidato deve fazer a opção no momento da inscrição.

Em 6 de novembro, sábado, serão aplicadas as questões de ciências da natureza e ciências humanas, das 13h às 17h. No domingo (07), das 13h às 18h30, será a vez de matemática, linguagens e códigos e redação.

Universidades têm quatro opções de uso dos resultados

Criado em 1998, o Enem tem o objetivo de avaliar o desempenho do estudante ao fim da escolaridade básica. Podem participar alunos que estão concluindo ou que concluíram o ensino médio em anos  anteriores. O exame é utilizado como critério de seleção para os estudantes que pretendem concorrer a uma bolsa no Programa
Universidade para Todos (ProUni).

Reformulação - O MEC apresentou proposta de reformulação do Enem e sua utilização como forma de seleção unificada nos processos seletivos das universidades públicas federais. A proposta tem como principais objetivos democratizar as oportunidades de acesso às vagas federais de ensino superior, possibilitar a mobilidade acadêmica e induzir a reestruturação dos currículos do ensino médio. As  universidades possuem autonomia e poderão optar entre quatro possibilidades de utilização do novo exame como processo seletivo:

- Como fase única, com o sistema de seleção unificada, informatizado e on-line;
- Como primeira fase;
- Combinado com o vestibular da instituição;
- Como fase única para as vagas remanescentes do vestibular.

Da Secretaria de Comunicação do Governo Federal

 

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: