PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
12 de Junho de 2013 | Notícias | Direitos

Bancários protestam no ABC contra precarização do trabalho

Os bancários do ABC realizaram,  na terça feira, manifestação contra a precarização das condições de trabalho da categoria, como parte do Dia Nacional de Luta convocado pela CUT (Central Única dos Trabalhadores), a partir das 9 horas, na Coronel Oliveira Lima, em Santo André. A moblização seguiu para São Bernardo, na Marechal Deodoro, onde foi entregue uma carta-aberta à população.

As Centrais Sindicais também estão presentes na segunda reunião da Mesa de Diálogo em Brasília para discutir o tema da terceirização de mão de obra nas empresas. Entre as centrais presentes no local estão a CUT (Central Única dos Trabalhadores), da UGT (União Geral dos Trabalhadores), da CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras Brasileiros) e da NCST (Nova Central Sindical de Trabalhadores) e Força Sindical. 

De acordo com o Secretário Geral do Sindicato dos Bancários do ABC, Gilberto Soares, a manisfetação pretende alertar a população e trabalhadores da gravidade da questão que está sendo votada nesta terça-feira. “As pessoas devem ter consciência do que está sendo votado, pois com a força dos trabalhadores poderemos reverter a situação”, afirmou.

O secretário ainda explicou que desde 2004 a categoria vem fazendo esta pressão para que o projeto não seja aprovado no Congresso. “Temos que refletir sobre a questão da terceirização e da rotatividade, pois se o projeto for aprovado trará a precarização total do emprego. Devemos defender nossos empregos e reivindicar nossos direitos”.

O vigilante da agência Santander, que pediu para não se identificar, informou que há três anos trabalha no local como terceirizado e acredita que a terceirização é vista como uma segunda categoria. “É um alternativa para o desempregado, mas além do baixo salário tem a questão do preconceito. Se o projeto for legalizado vai desencadear mais precarização para o trabalhador e isso não pode acontecer”.

PL - A votação do Projeto de Lei da regulamentação da terceirização está prevista para ocorrer às 14h30 desta terça-feira, na CCJC (Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados) em Brasília.

 

Do ABCD Maior

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: