PESQUISA / SUGEST�ES
RECEBA INFORMAÇÕES
31 de Outubro de 2013 | Notícias | Mídia

Câmara realiza mais um debate sobre Marco Civil da Internet

Em meio à falta de acordo para a votação do projeto de lei que cria o Marco Civil da Internet no Brasil, a Câmara dos Deputados decidiu realizar uma Comissão Geral – amplo debate no plenário, com participação da sociedade civil – sobre o tema, na próxima terça-feira (5), a partir das 10 horas.

O deputado Alessandro Molon (PT-RJ), relator da matéria, espera que a atividade possa contribuir para que a votação ocorra ainda na próxima semana. “Esse projeto foi um dos mais debatidos na história do Parlamento brasileiro, mas não temos problema em fazer mais esse debate na Comissão Geral, para que tiremos todas as dúvidas que ainda existirem, de forma que possamos votá-lo já no dia seguinte”, disse Molon.

O relator acredita que a legislação a ser criada com o Marco Civil terá repercussão internacional e poderá influenciar outros países. “Certamente, ele vai servir de referência para outros países e vai legitimar a liderança mundial nessa discussão graças à ação da presidenta

Dilma, com a reação forte e corajosa que teve na ONU. As proposições que o governo brasileiro tem apresentado serão consolidadas com a aprovação do Marco Civil”, avalia o parlamentar.

O líder do governo, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), não descartou a inclusão no marco regulatório de questões relacionadas à segurança da rede em nível internacional. “O governo norte-americano espionou a presidente Dilma, a primeira-ministra Angela Merkel, da Alemanha, bem como o atual presidente do México, também autoridades de vários outros países. Eu creio que é nosso dever, ao discutirmos o novo marco regulatório da Internet no Brasil, ampliar o debate mesmo sem ter poder para interferir nessa nova ordem internacional”, sugeriu Chinaglia.

O Marco Civil tramita em regime de urgência constitucional e está trancando a pauta da Câmara desde terça-feira (29). Dentre os pontos polêmicos do projeto, destacam-se a neutralidade da rede – a garantia da não interferência e da não discriminação dos provedores de acesso na velocidade de tráfego para todos os usuários – e as questões relativas a direitos autorais.

Do Vermelho.com

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: