PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
26 de Junho de 2015 | Notícias | Categoria

Mais um factoide...

Há décadas, os setores reacionários e conservadores do País tentam atingir a imagem do presidente Lula. Já era assim nos anos 1970, quando ele estava à frente do nosso Sindicato lutando pelos trabalhadores, nos anos 1980, quando fundou o PT, nos anos seguintes, quando disputava as eleições e foi assim durante os oito anos em que presidiu o País, eleito e reeleito pela ampla maioria dos brasileiros. 

Nessa batalha incessante, tem valido de tudo: acusações sem provas, calúnias e factoides, que ganham enorme dimensão por meio das vozes conservadoras que ecoam na grande imprensa. O ataque mais recente foi a repercussão de um pedido de habeas corpus, atribuído a Lula de forma irresponsável e, só depois identificado como iniciativa de uma pessoa sem qualquer ligação com ele. E é bom destacar que, estranhamente (ou não...) essa notícia foi divulgada em primeira mão por um parlamentar da oposição conhecido por suas falas raivosas, agressivas e irresponsáveis, que já chegou até mesmo a pregar contra existência do Partido dos Trabalhadores.

Nem mesmo a manifestação, por meio de nota, do juiz federal responsável pela tortuosa Operação Lava Jato, afirmando que não há investigações sobre Lula, diminuiu os ataques. Fica claro que esse é mais um exemplo da tentativa permanente de manchar a trajetória do companheiro Lula, uma trajetória que sempre incomodou e continua ameaçando aqueles que não querem um país mais justo, mais igualitário. Atingir Lula é atingir o coração da luta dos trabalhadores, é o objetivo de uma elite que nunca vai aceitar as transformações que ocorreram nos últimos anos no País. Lula é a figura que unifica as forças de esquerda e de centro, o que empodera os trabalhadores e representa uma ameaça às forças conservadoras.

Essa tentativa de desconstrução – não só de Lula, mas de tudo que ele representa – não terá fim. Nós trabalhadores, no entanto, sabemos o que está em jogo, conhecemos as armadilhas e estaremos sempre dispostos a defender essa liderança que nunca poupou esforços em sua luta por uma parcela da população praticamente ignorada por outros governos. A luta de classes está aí, para quem quiser ver. E nós sabemos de que lado estamos. Ao companheiro Lula, toda nossa confiança, nossa força e nossa luta.


São Bernardo, 26 de junho de 2015


Rafael Marques - Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: