PESQUISA / SUGEST�ES
RECEBA INFORMAÇÕES
18 de Dezembro de 2015 | Notícias | Geral

Dilma assina MP do acordo de leniência

O presidente do Sindicato, Rafael Marques, participou nesta sexta-feira, dia 18, da assinatura pela presidenta Dilma Rousseff, da medida provisória do acordo de leniência.

“Essa medida é uma das reivindicações que a CUT, as demais centrais sindicais e representantes dos movimentos sindicais e sociais e dos empresários brasileiros, fizeram à presidenta e que consta no Compromisso pelo Desenvolvimento”, afirmou Rafael.

Segundo o presidente, a MP contribuirá na garantia dos empregos e da renda dos trabalhadores em empresas investigadas por corrupção e que têm sido sistematicamente paralisadas.

“Estamos observando, já há algum tempo, milhares de postos de trabalho sendo fechados, principalmente em empresas que são alvo de investigação como é o caso da operação lava jato”, explicou.

“Temos que apoiar firmemente o combate à corrupção no Brasil, mas não podemos permitir que em nome deste combate, empresas como a Petrobras, tão importantes para a economia do País, fiquem refém destas operações”, completou.

Para a presidenta Dilma Rousseff é preciso separar as pessoas que cometeram crimes das empresas e assim evitar que grandes empregadoras sejam inviabilizadas economicamente.

“Devemos penalizar os CPFs e não os CNPJs, para voltarmos a crescer e gerar emprego e renda ao povo brasileiro. Esse é o principal objetivo desta medida”, declarou a presidenta durante o ato de assinatura em Brasília.

O conteúdo da MP segue ao Congresso para o aperfeiçoamento do acordo de leniência, que já existe na legislação brasileira. 

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: