PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
23 de Fevereiro de 2016 | Notícias | Empresas

Trabalhadores na Karmann-Ghia aprovam proposta de pagamento

Trabalhadores na Karmann-Ghia aprovam proposta de pagamento
Em assembleia ontem, os trabalhadores na Karmann-Ghia, em São Bernardo, aprovaram a proposta de pagamento dos salários e demais direitos atrasados desde dezembro, além de férias, 13º e convênio médico.
“A greve está suspensa para que a empresa cumpra o que foi acordado. A produção foi retomada e vamos acompanhar de perto a situação”, explicou o coordenador de área, Genildo Dias Pereira, o Gaúcho.
A primeira proposta apresentada ontem foi rejeitada pelos trabalhadores. Com isso, o Sindicato retomou a mesa de negociação e conseguiu melhorar a proposta, que foi aprovada em assembleia.
Pelo acordo, a empresa se comprometeu a pagar o salário de fevereiro até a primeira quinzena de março e, de imediato, pagar parte do adiantamento do mês.
“É importante os companheiros se manterem unidos na luta para garantir seus direitos”, destacou.
Os trabalhadores entraram em greve no dia 10. A mobilização começou no dia 5, com alerta geral na fábrica.

Em assembleia ontem, os trabalhadores na Karmann-Ghia, em São Bernardo, aprovaram a proposta de pagamento dos salários e demais direitos atrasados desde dezembro, além de férias, 13º e convênio médico.

“A greve está suspensa para que a empresa cumpra o que foi acordado. A produção foi retomada e vamos acompanhar de perto a situação”, explicou o coordenador de área, Genildo Dias Pereira, o Gaúcho.

A primeira proposta apresentada ontem foi rejeitada pelos trabalhadores. Com isso, o Sindicato retomou a mesa de negociação e conseguiu melhorar a proposta, que foi aprovada em assembleia.

Pelo acordo, a empresa se comprometeu a pagar o salário de fevereiro até a primeira quinzena de março e, de imediato, pagar parte do adiantamento do mês.

“É importante os companheiros se manterem unidos na luta para garantir seus direitos”, destacou.

Os trabalhadores entraram em greve no dia 10. A mobilização começou no dia 5, com alerta geral na fábrica.

Da Redação

 

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: