PESQUISA / SUGEST�ES
RECEBA INFORMAÇÕES
15 de Fevereiro de 2019 | Hot Site | Formação

A defesa do "Trabalho Decente" e da dignidade humana como tarefa permanente

Diante dos retrocessos sociais e trabalhistas promovidos pelo processo de globalização liderado pelas grandes empresas transnacionais que se acentuou nos anos 90 do século passado, a OIT (Organização Internacional do Trabalho) lançou uma campanha pela globalização de direitos.

A campanha teve como um dos resultados mais importantes a adoção em 1999 do conceito de Trabalho Decente, definido como trabalho de qualidade em condições de liberdade, equidade, segurança e dignidade humana, como condição para superação da pobreza, da redução das desigualdades sociais, fortalecimento da democracia e do desenvolvimento sustentável. Essa definição é o ponto de convergência dos quatro objetivos estratégicos da OIT, a saber:

O respeito aos direitos fundamentais do trabalho; a promoção do emprego produtivo e de qualidade; a ampliação da proteção social e o fortalecimento do diálogo social.

Como se percebe, hoje vivemos na contramão desses objetivos. Nem por isso devemos desistir ou abrir mão da promoção do trabalho digno e da dignidade humana como estratégia permanente do sindicalismo que está ao lado dos trabalhadores e comprometido com os seus interesses.

Com a noção de Trabalho Decente, a OIT traduz a dimensão econômica e social do trabalho como elemento fundamental de promoção da dignidade humana a serviço do bem-estar da sociedade e da afirmação da identidade do trabalhador como ser social e coletivo.

Comente este artigo.

Envie um e-mail para formacao@smabc.org.br

Departamento de Formação


00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: