PESQUISA / SUGEST�ES
RECEBA INFORMAÇÕES
5 de Abril de 2019 | Hot Site | Formação

O legado do governo Lula na Educação

Em 2016 aconteceu um grande feito na vida de Jonas Lopes. Pernambucano, filho de um pedreiro, e uma dona de casa, ele formou-se médico pela Universidade Federal de Pernambuco. Acompanhava o pai desde criança no trabalho na roça tendo sido cortador de cana até seus 15 anos, e o primeiro entre os sete irmãos, que consegue o diploma universitário.

Essa história se soma à de muitos brasileiros que não vislumbravam no passado, alcançar sonhos tão distantes de sua realidade. E o que aconteceu?

Seus esforços nos estudos, que giravam em torno de 10 horas por dia, ajudaram. Mas apenas isso não bastaria.

Ter tido um governo que priorizou a educação nos anos 2000, garantiu a oportunidade para Jonas alcançar seu objetivo, assim como tantos outros milhões de brasileiros.

Em 2003, o Brasil investia R$ 18,1 bilhões, na educação. Em 2010 esse valor foi ampliado para R$ 54,2 bi, e quando observamos até 2016, quando a presidente Dilma sofreu o golpe eram 100 bilhões. Até 2016 foram criadas 18 universidades e 173 campi universitários e 500 escolas técnicas.

A história de Jonas, e os dados acima, revelam que os investimentos procuraram expandir as fronteiras, e distribuí-los entre diversas regiões, proporcionando assim, maior diversidade, garantindo acesso ao ensino de qualidade em regiões mais pobres também, diminuindo os níveis de desigualdade, e buscando quebrar o ciclo de pobreza entre as gerações.

Comente este artigo.

Envie um e-mail para formacao@smabc.org.br

Departamento de Formação

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: