PESQUISA / SUGESTÕES
RECEBA INFORMAÇÕES
6 de Setembro de 2019 | Notícias

Sindicato participa de curso de Lawfare e como combatê-la

Fotos: Divulgação

Na última sexta-feira, 30 de agosto, o diretor executivo do Sindicato, Carlos Caramelo, participou do Curso Intensivo sobre Lawfare, fenômeno que surgiu a partir de 2015 na qual os instrumentos jurídicos são usados como armas para gerar uma guerra de desinformação.

O curso contou com palestras dos advogados Cristiano Zanin Martins e Valeska Martins, membros da equipe de defesa do presidente Lula, e o jurista Rafael Valim. Os três compõem o Instituto Lawfare, que promoveu o curso e é dedicado a estudar o fenômeno do abuso de sistemas jurídicos com objetivos políticos, como é feito no Brasil contra o presidente Lula.

“Sempre neste conceito de guerra de desinformação haverá a figura de um inimigo a ser atingido. Esse é o ponto fundamental que diferencia lawfare do conceito de Estado de Exceção. Lawfare é a guerra feita pelo uso perverso da lei e resulta na destruição da reputação, vida e saúde dos considerados inimigos”, afirmou Zanin.

O dirigente sindical explicou que os casos apresentados durante o curso evidenciam o papel da imprensa comercial como instrumento da desinformação nas disputas políticas. 

“Temos visto, cada vez mais nos últimos anos, que a falta de pluralismo na imprensa e a manipulação das informações com as fake news são formas de ataques importantes para a manutenção do lawfare”, destacou Caramelo.  

“Esse conceito ganhou espaço nas disputas eleitorais de nosso país, contra os movimentos sociais e sindical e contra o presidente Lula. Só compreendendo seu formato poderemos combatê-lo”, concluiu.

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: