PESQUISA / SUGEST�ES
RECEBA INFORMAÇÕES
23 de Outubro de 2019 | Hot Site | Jurídico

Reforma da Previdência e o modelo ultraliberal de Paulo Guedes

A coluna do Dieese da última terça feira, 22, é um retrato sucinto do que o modelo ultraliberal de economistas como Paulo Guedes espalham pela América Latina. E a capa da Tribuna é uma ilustração autêntica do que nos reserva o futuro.

Estamos na semana em que a Reforma da Previdência provavelmente será aprovada no Senado brasileiro.

Esta Tribuna tem alertado insistentemente de que isto será um desastre do ponto de vista social. É evidente a finalidade de beneficiar os sistemas de previdência privada, oferecidos pelos grandes bancos.

Mas, o curioso é que Paulo Guedes, ministro da Economia de Bolsonaro, não está satisfeito. Pretende implantar o modelo chileno de capitalização, que obriga os aposentados a seguirem trabalhando, muitas vezes, até morrer. É o caso de Mario Enrique Cortes, “jubilado”, que, aos 80 anos, padeceu de insolação em pleno inverno, como jardineiro, em frente ao Palácio de La Moneda, em 2014. De lá para cá, o país vem acumulando episódios trágicos como este. Somado à onda crescente de suicídios na terceira idade – com tiro, enforcamento ou envenenamento -, cenário escancara a realidade sombria de uma terra em que a aposentadoria foi transformada em negócio para benefício das Administradoras de Fundos de Pensão –AFP (revistaforum.com.br, 12/04/2019).

Nesta semana, explodiu nas ruas a insatisfação do povo chileno, com onze mortos nas violentas manifestações, que não cessam.  Um povo desesperançado, vítima de um modelo que enriquece os mais ricos e empobrece os mais pobres. É o que pretende implantar Paulo Guedes e seus seguidores no Brasil.

Tudo dependerá de nós brasileiros. Aceitaremos o horror econômico e social do ultraliberal Paulo Guedes, ou resistiremos para valer e impediremos o aumento da pobreza e do sofrimento dos brasileiros?

Você decide.

Comente este artigo. Envie um e-mail para juridico@smabc.org.br

Departamento Jurídico

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: