PESQUISA / SUGEST�ES
RECEBA INFORMAÇÕES
20 de Março de 2020 | Notícias

FALA WAGNÃO: Vamos nos proteger coletivamente

Foto: Adonis Guerra

É difícil falar de eleição num momento tão complicado como este. Estamos numa conjuntura de extrema gravidade na saúde pública, mas não é só isso. Vivemos em meio a uma crise econômica mundial, e este ano as consequências serão muito sérias para a economia e para nossa categoria com o agravante causado pelas paralisações no Brasil inteiro por conta do coronavírus.

Não creio que haja um economista capaz de dizer como será o país quando passar esse transtorno. Estamos enfrentando dificuldades de negociação de paralisação das atividades, com fábricas que não têm dinheiro para pagar férias. Algumas empresas vão parar e podem não voltar.

Neste 1º turno da eleição do Sindicato, somos 193 representantes eleitos em 55 CSEs e no CSA que terão três anos de desafios pela frente. Foram 16.210 votantes, com 99,9% de votos nas chapas 1, o que demonstra a confiança dos sócios nos seus dirigentes.

Essa é uma categoria comprometida, que elege uma direção que tem por obrigação devolver esse comprometimento. É esta representação, por meio da eleição do CSE, que nos dá a oportunidade de reagir a situações como esta.

Temos que avaliar as consequências de uma parada prolongada, já que muitos trabalhadores serão surpreendidos com possível anúncio de fechamento da fábrica. Já se diz que a possibilidade de esta crise provocar mais 3 milhões de desempregados é muito forte.

Além das demissões, haverá o processo de falência de quem faz “bico”, hoje chamado de “empreendedorismo”. Esse pessoal não tem a proteção que boa parte da nossa categoria tem. Como vão suportar tantos dias sem ter uma forma de levar arroz e feijão para casa?

E esse governo que já deveria ter dito que o povo não vai precisar pagar luz e água, neste período, diz que os empresários podem reduzir os salários pela metade. Isso é preocupação com a saúde pública? Estamos sendo administrados por um louco irresponsável.

É neste instante que nossas organizações de classe se tornam mais importantes para orientar a categoria e dar o direcionamento de como, coletivamente, vamos nos proteger. E só somos capazes de fazer isso com os CSEs que foram eleitos e que têm essa função e esse comprometimento.

Parabéns, companheiros e companheiras!

#Tamojunto

00
comentários para esta matériaCOMENTAR
Sindicato dos Metalúrgicos do ABC
Rua João Basso, 231 - CEP 09721-100
Centro - São Bernardo do Campo/SP
TRIBUNA METALÚRGICA


VEJA TODAS AS EDIÇÕES
Buscar por Nº: