Sob ameaça, Toyota e Mercedes-Benz são marcas automotivas mais valiosas do mundo

Enquanto as duas empresas estão estáveis ou em queda no ranking, Tesla registra crescimento rápido

A Toyota é a marca automotiva mais valiosa do mundo. A conclusão é da Brand Finance, consultoria que divulgou o Brand Finance Global 500 2022, ranking que elenca as empresas mais valiosas entre todos os segmentos. Segundo a organização, a análise é feita para mapear a capacidade de atrair consumidores, gerar lealdade e motivar os funcionários, mas também de gerar receitas e lucratividade a partir da marca.

Nesse escopo, a Toyota é a primeira automotiva a aparecer na lista geral, na 12ª colocação com valor avaliado em US$ 64,2 bilhões – aumento de 8% sobre o ranking do ano passado. A Mercedes-Benz aparece pouco atrás, na 15ª colocação (duas posições abaixo do ranking de 2021) e valor de US$ 60,7 bilhões.

A terceira marca automotiva a aparecer na lista é a Tesla, em 28º colocação. Apesar de distante das empresas tradicionais que ocuparam as primeiras posições, a empresa registrou o maior crescimento do segmento, de 44% para uma estimativa de US$ 46 bilhões. Com isso, a fabricante de carros elétricos saltou 14 posições no ranking desde o ano passado, ameaçando o reinado da Toyota e da Mercedes-Benz para os próximos anos.

A Tesla já tem valor de marca superior ao da Volkswagen, que aparece em declínio, na 33ª colocação da lista, avaliada em US$ 41 bilhões. Atrás dela está a BMW, na 39ª colocação, e a Porsche, 46ª, ambas em queda na comparação com 2021. Ainda entre as 100 mais valiosas aparece a Honda, na 61ª posição, com desvalorização de 10%. A Ford está em 76ª quando se trata de valor de marca.

Do Automotive Business