Bateria inteligente para carros elétricos oferece autonomia de 400 km

Uma equipe de engenheiros da Universidade Estadual da Pensilvânia promete acabar com a ansiedade de alcance, ou Range Anxiety, do termo em inglês. O comportamento é conhecido entre donos de carros elétricos como o medo de que o veículo fique sem energia antes de chegar ao seu destino.

A solução pode estar no uso de baterias feitas de fosfato de ferro. Chao-Yang Wang, diretor do Centro de motores eletroquímicos da universidade, revelou que sua equipe de engenheiros conseguiu criar uma bateria inteligente que pode revolucionar a indústria de carros elétricos no futuro. Segundo Wang, além de inovadora, a solução encontrada pelos pesquisadores ainda é barata e tem custos comparáveis a produção de um motor tradicional a combustão.

As baterias de fosfato de ferro oferecem autonomia de mais de 400 km e possuem vida útil suficiente para percorrer mais de 3.200 km. Diferente das baterias tradicionais, o componente ainda pode ser recarregado em apenas 10 minutos. Esse é outro fator que, segundo Wang, pode acabar com o medo de ficar sem energia antes de chegar até uma estação de recarga.

O segredo para a autonomia estendida e recarga mais rápida é a capacidade da bateria de fosfato de ferro se aquecer e resfriar automaticamente. Wang afirma que um conjunto de baterias de fosfato de ferro produz potência o suficiente para que um veículo elétrico vá de zero a 100 km/h em apenas três segundos. Algo comparável a um veículo esportivo de montadoras famosas, como a alemã Porsche.

Do Olhar Digital