Homenagem: Cinzas de sindicalista da UAW estão em memorial do Sindicato

Parte das cinzas do corpo do sindicalista norte-americano John Christensen estão enterradas desde 5 de julho de 2004 neste canteiro no Centro de Formação Celso Daniel. O companheiro morreu em fevereiro do mesmo ano e, segundo sua viúva, Marsha Back, era vontade do sindicalista ter suas cinzas enterradas nos lugares por onde passou. No mesmo local, foi plantada uma muda de ipê amarelo.

Esse tipo de homenagem é costume do povo norte-americano. Segundo Marsha, suas cinzas servem como “fertilizante para a árvore que, ao florescer, revive seu espírito”. Christensen era membro do UAW, sindicato dos trabalhadores nas montadoras dos Estados Unidos. Seu primeiro contato com o sindicalismo brasileiro foi na greve dos metalúrgicos em 1980. Depois disso, esteve várias vezes no Brasil nos últimos anos, País que amava, segundo Marsha.

Fique sócio! Você, trabalhador, é o Sindicato dentro da fábrica