Como desperdiçar R$ 50 milhões

Sem a economia da auto-convocação, o Brasil gastará R$ 50 milhões para que os parlamentares trabalhem nas férias. A recompesa individual é boa. Cada um ganharia R$ 25.440,00 pelo trabalho extra, sem deixar de faturar o salário de R$ 12.720,00 de julho. O valor equivale a 147 salários mínimos. Nenhum trabalhador brasileiro ganha férias em dobro nem descansa dois períodos de um mês no ano.

Essa é a grande questão da auto-convocação. Os políticos estão dispostos a não faturar o extra em nome do bem comum? Eles não trabalhariam de graça, apenas não teriam uma grana a mais.