CUT faz festa no Dia da Criança

Em evento promovido pela CUT nos dias 11 e 12 no Sesc Itaquera, no Parque do Carmo (Zona Leste), em São Paulo mais de 600 voluntários vão prestar uma variedade de serviços nas área de saúde, educação, meio ambiente e lazer, além da emissão de carteira de identificação e certidões de nascimento e casamento.

O presidente da CUT São Paulo, Edilson de Paula, disse que é preciso qualificar o debate sobre os direitos da criança, já que a data tem um apelo muito comercial.
“Queremos chamar a atenção da sociedade para práticas criminosas como o trabalho infantil, a violência doméstica e o abuso sexual”, disse ele.

No dia 11 vão se apresentar, entre outros artistas, Vanessa Camargo e KLB. No dia 12 será a vez de Falamansa e Expressão Regueira. O evento acontece das 9h às 18h. 

Uma data comercial
O Dia da Criança foi oficializado em 1924 pelo presidente Artur Bernardes a partir de idéia do deputado federal Galdino do Valle Filho, que decidiu fazer uma homenagem às crianças.

A data só passou a ser comemorada a partir de 1960, quando a Estrela e a Johnson&Johnson passaram a realizar promoções para alavancar a venda de brinquedos.

A partir daí o comércio incorporou a idéia.