CUT quer incluir tema em acordos coletivos

A CUT lançou ontem a campanha Violência contra a Mulher: Tolerância Nenhuma, que faz parte do projeto de políticas de combate à violência contra a mulher.

Neste e no próximo ano a Central vai lançar cartilhas e cadernos educativos para contribuir na formação de líderes sindicais.

O objetivo é incluir nos acordos coletivos cláusulas sobre o combate à violência contra a mulher.