Dirigentes convocam para Assembleia Geral online de Campanha Salarial

Votação para dar encaminhamento às negociações ocorre amanhã durante todo o dia no site do Sindicato

Os Metalúrgicos do ABC realizam amanhã, das 8h às 23h, Assembleia Geral Extraordinária de Campanha Salarial. Para manter o distanciamento social, recomendado para conter a disseminação do coronavírus, a votação será realizada de forma virtual pelo site do Sindicato.

Para participar, os trabalhadores devem acessar o site www.smabc.org.br, clicar no banner em destaque da assembleia e seguir as instruções para validar seu voto.

Os coordenadores que integram as negociações reforçam que é essencial a participação de toda a categoria para fortalecer a luta e dar o recado às bancadas patronais.

“Negociar com os patrões nunca foi e nem será fácil, mas este ano é muito atípico. Insistimos o tempo todo em estabilidade, mas o patronal não teve a sensibilidade de pensar nos empregos, mesmo em um momento de pandemia. Alguns grupos já apresentaram proposta, outros sequer vieram para as mesas de negociação, como é o caso do G10. Outros apresentaram reajuste zero, caso do G8.2. Portanto, os trabalhadores precisam participar em massa da nossa assembleia amanhã. Firmes na luta”, convocou o coordenador de São Bernardo, Genildo Dias Pereira, o Gaúcho.

“Todos sabem que estamos desde junho em negociação com as bancadas patronais no sentido de renovar nossa Convenção Coletiva e também de reajustar os salários. Então, nessa quarta-feira durante todo o dia teremos assembleia virtual para que todos votem as propostas que temos para apreciar, é fundamental a participação de todos”, chamou o coordenador da regional Diadema, Antônio Claudiano, o Da Lua.

“A assembleia é sempre um momento importante para mostramos aos patrões que estamos unidos e fortalecidos na luta por direitos. Mesmos que não estejamos juntos presencialmente, a participação massiva de forma virtual ajuda a fortalecer a nossa negociação que, como temos tido, este ano está sendo feita num cenário ainda mais difícil”, reforçou o coordenador de Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, Marcos Paulo Lourenço, o Marquinhos.

Eixos
Este ano, a Data-Base negociada pela FEM/CUT está focada na exigência de melhores condições de saúde e segurança e garantia de emprego. O tema é “[email protected]! Tamo junto pela vida, emprego e renda”.

Os eixos são: por melhores condições de saúde e segurança; por melhores condições sanitárias e de higiene; aumento salarial; pela manutenção de todos os direitos; pela nacionalização de componentes, máquinas e equipamentos; defesa urgente de um projeto de reindustrialização do país.

Confira quais são as bancadas patronais que negociam com a FEM/CUT
• Sindicel
• Grupo 8.2 (Sicetel e Siescomet)
• Grupo 8.3 (Sinafer, Simefre e Siamfesp)
• Sindratar
• Grupo 2 (Sindimaq e Sinaees)
• Grupo 3 (Sindipeças, Sindiforja e Sinpa)
• Fundição
• Grupo 10 (Fiesp e outros)
• Estamparia

“Teremos assembleia virtual para que todos votem as propostas que temos para apreciar” Da Lua

“Os trabalhadores precisam participar em massa da nossa assembleia amanhã” Gaúcho

“É um momento importante para mostramos aos patrões que estamos unidos na luta por direitos” Marquinhos