Semana Mulher: Valorizando a arte e a emoção

A peça Mudando de Vida e a declamação das poesias vencedoras do concurso encerraram com chave de ouro a Semana Mulher.

Mudando de Vida, encenada por trabalhadores no Unibanco, relata situações e problemas de uma família para mostrar os preconceitos e as discriminações.

No sábado teve o sarau, com música a cargo do grupo DDZ. Intercalando a apresentação das músicas, os vencedores do concurso declamaram suas poesias num clima de festa e auto-astral.

Vencedores
Os vencedores foram estes: Cláudia Aparecida, Proema; Ivaniza Soares; Valdemir Felix; Mariozan de Oliveira; Profeta, Mercedes-Benz; Jaime Cientista, Volks; Rubens Delova; Nair Lopes de Souza, Volks; Armandinho Fagundes, Ford; Vilma de Souza, Mercedes-Bens; Andrés Garcia, Ford; e Sandra Cristina.
Os participantes que não pegaram seu caderno de poesias ou prêmio devem passar na sala de Imprensa, no 1º andar do Sindicato.

Por uma nova sociedade
“A Semana Mulher mostrou que é possível reunir a categoria em atividades culturais, valorizando a arte e a emoção”, disse Rosi Machado, coordenadora da Comissão de Mulheres.

Ela avisou que todas as fábricas com predominância de mulheres vão receber a visita da comissão de sindicalização. “É preciso aumentar a participação das mulheres na mesma proporção de sua inserção no mercado de trabalho”, comentou.

Para Rosi, as mulheres devem enfrentar todos os desafios no sentido de caminharmos para uma sociedade sem preconceito e sem violência. “Cada mulher deve fazer a sua parte e isto é tarefa diária, seja no trabalho, em casa ou no bairro”, concluiu.