Toyota lançará baterias para carros elétricos com 90% a mais de capacidade

A ideia é oferecer baterias sólidas em carros de produção até 2025, mas já usar em um conceito no meio do ano que vem

A Toyota quer ganhar terreno no mercado de carros elétricos com uma tecnologia muito importante: baterias de material sólido. As atuais têm estado líquido por dentro das células. A grande diferença é que as de estado sólido conseguiriam oferecer maior capacidade de carga e recarga em menor tempo.

Segundo o site Automotive News, o foco da Toyota é começar a oferecer nos carros de série a nova tecnologia em 2025. Porém, antes disso, durante as Olimpíadas de Tóquio, ano que vem, conceitos de mobilidade já devem usar projetos dessa bateria. A Toyota é uma das patrocinadoras dos jogos e vai oferecer veículos conceituais de mobilidade para transportar atletas durante os jogos.

As baterias de estado sólido, em relação as atuais, que são de íons de lítio, tem maior densidade de energia. Isso garante que elas podem armazenar mais energia em pacotes menores e mais leves. As recargas serão mais rápidas e, com menos peso, os carros terão melhor aproveitamento da energia em termos de autonomia.

O especialista da Toyota, Keiji Kaita, diz que a expectativa é de recarga total em menos de 15 minutos. Por enquanto, os engenheiros trabalham ainda em questões de segurança e durabilidade das baterias, para garantir que sejam equivalente nesse sentido também as de íons de lítio. Segundo Kaita, apesar de mais caras, a Toyota projeta que, talvez, seja possível manter até 90% do desempenho da bateria por até 30 anos.

Do Jornal do Carro