VW: clássicos nacionais ganham espaço na Anchieta

A Volkswagen criou um espaço para preservar e exibir seus carros clássicos nacionais, sendo uma área instalada dentro da fábrica da empresa na rodovia Anchieta, em São Bernardo do Campo. A chamada Garagem VW – Parte II, reúne 36 modelos antigos da filial da marca alemã em 1.430 m² na Ala 5 da planta do ABC paulista.

No espaço, existem alguns modelos bem conhecidos e outros inéditos, ampliando assim a VW seu espaço para os antigos, que se iniciou em 2019. Iniciado pela Engenharia do Produto com apoio de diversas áreas da VW, o projeto de preservação já existe há mais de 20 anos, mantendo em excelente estado de conservação parte dos mais de 100 carros do grupo, que é a maior coleção coordenada por uma montadora no Brasil.

Na frota da Garagem VW – Parte II, alguns fizeram parte da frota de testes do time da Engenharia da VW, outros estão desde zero-quilômetro no acervo e ainda existem unidades compradas de colecionadores para compor a história completa da marca no país. Na linha a ar, o Fusca tem vários derivados na Garagem VW – Parte II, entre eles versões do clássico e modelos antigos como 1600, 1600 TL, Brasília, Variant e SP.

A Kombi também tem unidades em acervo, sendo elas uma Kombi Standard na cor branca de dezembro de 2013, e uma unidade 1961 em pintura vermelha e branca (saia e blusa), que é o veículo mais antigo da coleção. Os modelos Apollo, Logus e Pointer contam parte da história da VW na fase da Autolatina, enquanto nos anos 2000, a marca conta a história com Polo e Polo Sedan, além do compacto 100% brasileiro, o Fox, com a última unidade fabricada na planta de São José dos Pinhais.

Do Notícias Automotivas